As aventuras de Alice no País das Maravilhas

Sinopse

Em uma tarde de verão, enquanto Alice, muito entediada, descansava junto com a irmã debaixo da sombra de uma árvore, um coelho branco passa apressado por elas. Teria sido um evento banal, se o coelho não retirasse um relógio de seu colete e exclamasse que estava muito atrasado. A pequena Alice, intrigada, segue o bichinho até sua toca. Para a surpresa da menina, ela cai em um buraco profundo, até chegar a um mundo fantástico repleto de criaturas falantes, poções, objetos mágicos e enigmas misteriosos, onde o tempo passa de acordo com o próprio humor e onde todos são loucos.
Quando Lewis Carroll escreveu As aventuras de Alice no País das Maravilhas, provavelmente não vislumbrou a dimensão do impacto que sua obra teria. Uma história que surgiu de um improviso para entreter três crianças (uma delas chamada Alice, que inspirou a tão querida personagem) encantou gerações de adultos e crianças desde a primeira publicação, em 1865, e tem impacto significativo até os dias atuais. Traduzida para mais de cem línguas em incontáveis edições, adaptada para o cinema e para a televisão e frequente referência em outros tipos de produções artísticas, esta obra ainda nos fascina por sua criatividade lúdica e por sua absurdidade idílica.